27 de Abril de 2019, atualizado ás 12:04

Cheque especial e cartão de crédito com juros mais altos



Por: Daniel Libanio | Notícias

Compartilhar:
         

Em março já foi possível perceber um aumento dos juros para cheque especial e também para cartão de crédito. A taxa do cheque que era de 317,9% ao ano marcado em fevereiro passou para 322,7% em março.

A taxa para o cartão de crédito era de 295,5% em fevereiro ao ano e passou para 299% ao ano já em março. Percebendo uma mudança bem grande de um mês para o outro, crescimento não representa algo positivo para o bolso dos brasileiros.

Confira Também: Petrobrás anuncia alta por litro no diesel

Cheque especial e cartão de crédito com juros mais altos (foto: internet)

Juros mais altos

O Banco Central informou hoje que os juros do cartão de crédito e do cheque especial subiram novamente em março. Passou de 317,9% em ao ano em fevereiro para 322,7% em março, do cheque especial. Essa já foi a quinta alta seguida que a taxa marcou.

Para o cartão de crédito também foi a quinta alta seguida, passando de 295,5% ao ano em fevereiro e chegando em 299,5% em março. Essa movimentação nas taxas e o aumento das duas modalidades de crédito está acontecendo em um momento que os juros básicos da economia estão estáveis.

A taxa conhecida como Selic está sendo mantida em 6,5% ao ano pelo Banco Central, uma mínima que vem sendo controlada desde março do ano passado, algo que não acontecia há tempos.

Essa movimentação dos juros acontece em meio aos problemas passados pelo governo em conseguir aprovar a reforma da Previdência e também em conseguir criar medidas para que a economia brasileira consiga crescer mais rápido e conseguir gerar novos empregos.

As instituições financeiras levam em consideração a inadimplência quando vão definir as taxas de juro dos empréstimos, outro número que subiu em março. Para as pessoas físicas, o número foi de 3,3% para 3,4% e para as pessoas jurídicas foi de 2,4% a 2,5%.

Com o aumento da taxa de juros tanto para cheque especial quanto para o cartão de crédito chegando na quinta vez seguida, é um reflexo mais uma vez da insegurança das instituições financeiras conforme a falta de medidas em relação a economia brasileira no atual governo.




Daniel Libanio

Daniel é empresário e empreendedor digital nato. Graduando em Direito, é o Fundador do site e gerencia as as estratégias de marketing e desenvolvimento. Contato: daniellibanio0904@gmail.com

  

0 Comentários